Espaços

23 de dez de 2011

Então é Natal...

... e o que você fez?

Mais um Natal, mais presentes, mais consumismo, mais abraços, mais beijos, mais festas... O ano termina, e o que você fez?

Quantas são as suas realizações? Quantas são as frustrações? O que você não repetirá? O que levará de aprendizado?

Inevitavelmente nos fazemos essas perguntas e, por regra, muitas respostas não nos são dadas. Mas uma certeza é que fizemos aquilo que deveríamos fazer. Lutamos, corremos, "ralamos" e chegamos aqui. Nem todos com a mesma garra, nem todos com o mesmo amor e, infelizmente, nem todos com a mesma alegria e confiança para dizer "Fiz o meu melhor". Mas todos chegamos.

Acredite em uma coisa: seu ano depende daquilo que você fez e fará. Se no dia 31 de dezembro você não tem forças ou motivos para agradecer ou se alegrar, o mundo não pode fazer nada. Seu 2012 pode ser diferente, mas depende apenas de você.

Não adianta eu querer ser feliz por você, querer vencer por você, querer amar por você. A vida é individual e intransferível. E é impossível vivê-la pela metade. Ela exige nosso 100%.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Me deixe feliz, comente!