Espaços

31 de ago de 2010

Pra você guardei o amor....

Pra você guardei o amor
Que nunca soube dar
O amor que tive e vi sem me deixar
Sentir sem conseguir provar
Sem entregar
E repartir

Pra você guardei o amor
Que sempre quis mostrar
O amor que vive em mim vem visitar
Sorrir, vem colorir solar
Vem esquentar
E permitir

Quem acolher o que ele tem e traz
Quem entender o que ele diz
No giz do gesto o jeito pronto
Do piscar dos cílios
Que o convite do silêncio
Exibe em cada olhar

Guardei
Sem ter porque
Nem por razão
Ou coisa outra qualquer
Além de não saber como fazer
Pra ter um jeito meu de me mostrar

Achei
Vendo em você
E explicação
Nenhuma isso requer
Se o coração bater forte e arder
No fogo o gelo vai queimar

Pra você guardei o amor
Que aprendi vendo meus pais
O amor que tive e recebi
E hoje posso dar livre e feliz
Céu cheiro e ar na cor que arco-íris
Risca ao levitar

Vou nascer de novo
Lápis, edifício, tevere, ponte
Desenhar no seu quadril
Meus lábios beijam signos feito sinos
Trilho a infância, terço o berço
Do seu lar



Pra você guardei o amor - Nando Reis

21 de ago de 2010

Soneto da Fidelidade

De tudo ao meu amor serei atento
Antes, e com tal zelo, e sempre, e tanto
Que mesmo em face do maior encanto
Dele se encante mais meu pensamento.

Quero vivê-lo em cada vão momento
E em seu louvor hei de espalhar meu canto
E rir meu riso e derramar meu pranto
Ao seu pesar ou seu contentamento

E assim, quando mais tarde me procure
Quem sabe a morte, angústia de quem vive
Quem sabe a solidão, fim de quem ama

Eu possa me dizer do amor (que tive):
Que não seja imortal, posto que é chama
Mas que seja infinito enquanto dure.


Vinícius de Moraes

16 de ago de 2010

O resfriado escorre quando o corpo não chora.

A dor de garganta entope quando não é possível comunicar as aflições.

O estômago arde quando as raivas não conseguem sair.

"O diabetes invade quando a solidão dói".

O corpo engorda quando a insatisfação aperta.

A dor de cabeça deprime quando as duvidas aumentam.

O coração desiste quando o sentido da vida parece terminar.

A alergia aparece quando o perfeccionismo fica intolerável.

As unhas quebram quando as defesas ficam ameaçadas.

O peito aperta quando o orgulho escraviza.

O coração enfarta quando chega a ingratidão.

A pressão sobe quando o medo aprisiona.

As neuroses paralisam quando a"criança interna" tiraniza.

A febre esquenta quando as defesas detonam as fronteiras da imunidade.

A vida perde o sentido quando não cremos em Deus!


Preste atenção!

O plantio é livre, a colheita, obrigatória ... Preste atenção no que você esta plantando, pois será a mesma coisa que irá colher!!

"Não vos enganeis, de Deus não se zomba, pois tudo o que o homem semear", isto também ceifará " (Gálatas 6.7)

11 de ago de 2010

Paciência...


"Porque necessitais de perseverança, para que, depois de haverdes feito a vontade de Deus, alcanceis a promessa" Hebreus 10:36

Uma mulher, que havia assistido a um espetáculo internacional, de dança,constatou, ao chegar em casa, que havia perdido um de seus brincos de brilhantes. Além do grande valor material da jóia, havia também um valor sentimental, por tratar-se de herança de sua mãe. Bastante aflita, telefonou ao gerente do teatro perguntando se haviam encontrado a jóia durante a limpeza do salão. O gerente pediu-lhe que aguardasse na linha enquanto iria perguntar ao responsável pela manutenção do local. Ao encontrar o administrador, soube que a jóia havia sido achada e guardada em um lugar seguro. O gerente retornou ao telefone para dar a excelente notícia à senhora, mas, ela já havia desligado. Sem saber o nome da dona do brinco, aguardou que tornasse a ligar e até colocou um anúncio em um jornal, mas nunca mais teve qualquer notícia dela.

Podemos pensar no quão impaciente era aquela senhora. Por causa de alguns minutos de espera acabou perdendo definitivamente a sua jóia preciosa. Muitos de nós, cristãos, agimos da mesma maneira. Oramos ao Senhor, apresentamos a Ele as nossas necessidades, mas, não temos paciência de esperar, ao ouvir: "aguarde na linha". Como resultado, perdemos a alegria da oração respondida e o regozijo da recompensa por uma fé perseverante.

Deus tem o tempo certo e a forma correta de nos abençoar. Nós somos precipitados em nossa ansiedade. Queremos tudo na mesma hora, da nossa maneira, sem parar para medir possíveis consequências. O Senhor nos prepara para receber a bênção e, quando ela chega, nosso coração se enche de grande felicidade e gratidão.

Se você está buscando a realização de um grande sonho, tenha paciência... persevere...E se o Senhor lhe mandar "aguardar na linha", não desligue jamais seu canal de comunicação com Ele.


Paulo Roberto Barbosa

5 de ago de 2010

Há uns 10 anos atrás...

... não existia orkut.

O 'te amo' não era banalizado.

As crianças iam à parques de diversão e não tinham problemas de visão nem obesidade dados pelos videogames e computadores.

MC Donalds custava R$4,00. Kinder Ovo, R$ 1,00 .

Os casamentos duravam mais, ou pelo menos duravam alguma coisa .

Biscoitos Fofy e Mirabel existiam e eram opções de merenda escolar.

Meninas de 11 anos brincavam de boneca, e não saíam pra 'pegar geral'.

Plutão era um planeta .

Festas de 15 anos não eram eventos.

Ser 'playsson' ou 'pitboy' não fazia diferença.

A intenção num show era ver o show, e não brigar.

Tênis de luzinha era essencial .

ICQ era o meio de comunicação.

Pessoas REALMENTE se conheciam e não apenas pela internet.

Fotos eram tiradas para recordarem um momento, e não para servir de book no orkut.

Diesel era combustível.

Merthiolate ardia.

Bonde era meio de transporte e bala era Juquinha e 7 Bello, e não perdida ou droga.